Como Visitar a Zona de Exclusão de Chernobyl - World by 2

Como Visitar a Zona de Exclusão de Chernobyl

Publicado em 02/10/2019

Para aqueles que já pensaram em viajar para Kiev, ou já assistiram a série Chernobyl da HBO já devem ter se deparado com empresas que fazem tours pelo local do desastre nuclear que ocorreu há mais de 30 anos.
Nós fizemos o tour à zona de exclusão de Chernobyl e Pripyat e o que podemos dizer para quem está pensando em fazer a visita é: Vá em frente e faça, pois é fascinante, triste e misterioso, tudo ao mesmo tempo.
Se você quer saber como é a visita ao local do início ao fim, contamos tudo em 3 posts:

- Como Visitar a Zona de Exclusão de Chernobyl
chernobyl ucrania

Um pouco de história

Na madrugada de 26 de abril de 1986 durante um teste, uma série de explosões destruíram o reator 4 da Usina Nuclear de Chernobyl. Foram liberadas toneladas de combustível nuclear na atmosfera. Além do desastre na usina, uma sucessão de erros fez com que a tragédia fosse ainda maior: os líderes soviéticos fizeram de tudo para esconder o que havia acontecido. As pessoas que moravam perto da usina só foram avisadas da evacuação cerca de 30 horas após a explosão do reator. A evacuação só começou depois de 40 horas de toda a radiação ser lançada na atmosfera. Os níveis normais de radiação ficam em torno de no máximo 0.3 microsieverts por hora. No dia do acidente o nível chegou em 500 mil. Os restos do reator 4 foram colocados sob uma grande estrutura de concreto chamada de sarcófago. O objetivo da estrutura era reduzir a dispersão dos restos de poeira e detritos radioativos. O primeiro sarcófago foi concluido em dezembro de 1986. Em 2017 um novo sarcófago foi instalado, incluindo todo o prédio do reator 4 sob uma redoma prateada.
Nos dias que se seguiram ao acidente, uma zona de exclusão foi criada ao redor do reator, e essa zona de exclusão ainda está em vigor até hoje. Mas como é um turista visitar a região de Chernobyl hoje? O que você pode esperar ver? E, o mais importante, é seguro?

Qual empresa realiza o tour de Chernobyl?

Primeiro você deve saber que não é possível visitar Chernobyl por conta própria, e é por isso que; o conhecimento dos guias é essencial para garantir que você fique seguro durante toda a sua visita.
Existem três principais operadores turísticos que conduzem excursões de vários dias à Zona de Exclusão Nuclear de Chernobyl : Welcome Chernobyl, SoloEast e Chernobyl-Tour . Além disso, existem operadores menores que tendem a acomodar reservas de última hora e reservas locais feitas em Kiev.
Nós fechamos nosso tour em Chernobyl com a SoloEast, porque eles tinham muitas críticas positivas no tripadvisor. Acho que fizemos uma boa escolha: nossa guia foi excelente, o motorista também nos dava informações sobre o local, foi bem organizado e nos sentimos seguros, o que era mais importante para nós.
chernobyl zona exclusao

Antes da visita

Se você deseja visitar Chernobyl, é necessário um certo planejamento; os visitantes só podem entrar na zona de exclusão com uma permissão, que será obtida pela empresa de turismo em seu nome, mas que pode levar duas semanas para garantir. As viagens a Chernobyl não são, portanto, algo a ser decidido no calor do momento; certifique-se de reservar com antecedência.
Observe que a empresa de turismo exigirá os detalhes do seu passaporte para a permissão e você precisará também levar o passaporte no dia da visita. Certifique-se de fornecer os detalhes corretos e não esqueça seu passaporte no dia, caso contrário você não poderá entrar na zona de exclusão.
Você também deverá estar vestido com calça, sapato fechado e camiseta de manga comprida.

Regras dentro da zona de exclusão

É absolutamente proibido colocar qualquer coisa no chão a qualquer momento e, ao fazê-lo, você corre o risco de ter confiscado o que tocou no chão antes de retornar a Kiev. Se qualquer material irradiado não puder ser escovado ou lavado, você terá que deixá-lo para trás. E sendo o solo um dos locais mais contaminados, nada pode tocá-lo por muito tempo.
Considere deixar seus pertences favoritos em Kiev. Como mencionei, tudo o que entrar em contato com materiais radioativos e que não puder ser limpo será deixado para trás. Nossa guia compartilhou histórias sobre viajantes que tiveram que deixar suas calças e sapatos para trás quando não puderam escovar os materiais radioativos. Seguir as regras (não sentar ou colocar objetos no chão) ajuda bastante a reduzir o risco nessa área, mas não custa nada ir com seu calçado menos querido.
Também que não é permitido comer e beber ao ar livre na zona de exclusão, embora você possa fazer um lanche e beber no ônibus. Há uma parada de 30 minutos para almoço.
desastre nuclear chernobyl

É seguro?

Em uma palavra, sim. Nossa guia abordou esse assunto bem cedo, antes mesmo de termos deixado Kiev. 
Certamente existem bolsões de radiação extrema na zona de exclusão de Chernobyl, mas elas tendem a ser pequenas em tamanho, geralmente com apenas alguns metros de diâmetro. Nosso dosímetro contador Geiger atingiu o máximo de 30.3 roentgen quando passamos (rapidamente e dentro da van) pela floresta vermelha. Em Kiev o contador marcava 0.08 a 0.12. Mas o acesso a essas áreas contaminadas é muito limitado e você não estará lá por mais de um minuto ou dois.
A quantidade de radiação que você receberá em uma viagem a Chernobyl é aproximadamente a mesma de um voo de curta distância - em outras palavras, nada para se preocupar. Se você precisar de mais tranquilidade, lembre-se de que os guias costumam ir lá quase diariamente, então você certamente ficará bem.
E para seu suspiro final de alívio, você passará por duas verificações de radiação ao sair da zona. A maioria dos visitantes passa no teste facilmente; caso contrário, você será descontaminado antes de prosseguir (normalmente passar uma escovinha ou lavar o local já resolve). No dia em que visitamos, nenhum de nós acionou os alarmes

Saiba mais


*Planeje sua viagem:

- Encontre passagens pela Passagens Promo
- Encontre onde ficar com a Booking.com
- Faça seu seguro viagem com a Seguros Promo
- Reserve uma casa pelo Airbnb
- Alugue um carro com a RentCars
- Já saia com internet no celular com a EasySim4U
* Usando os sites parceiros, nós recebemos uma pequena comissão, mas você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter o blog sempre atualizado!
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário



Mais vistos da semana