Países com Vistos de Longa Duração para Nômades Digitais - World by 2 - Dicas de Viagem

Países com Vistos de Longa Duração para Nômades Digitais

Publicado em 29/03/2021

Nômades digitais trabalham e viajam pelo mundo. Embora nos consideremos cidadãos do mundo, não é tão simples quando se trata de vistos. Não existem muitos países que disponibilizam vistos de longa duração para nômades digitais.
A maioria dos nômades (nós, por exemplo) costumam viajar com um visto de turista, já que é fácil. No entanto, os vistos de turista regulares normalmente expiram em 3 meses.
Isso sempre foi uma chateação para nômades digitais que gostam de ficar por um longo período (na Tailândia por exemplo, gostaríamos de ter ficado mais tempo). Além disso, viagens frequentes são ainda mais complicadas com todas as restrições de viagem da era Covid-19.
visto nomade digital
A boa notícia é que existem países com vistos de trabalho remoto ou de longa duração adequados para nômades digitais. Muitos países estão começando a abraçar a ideia de Digital Nomad Visas, para atrair mais viajantes de longo prazo.
Aqui estão alguns países com vistos de longo prazo para nômades digitais:

✅Geórgia

Este pequeno país situado entre a Europa e a Ásia introduziu recentemente o muito esperado programa Digital Nomad Visa chamado “Remotely From Georgia”. Tbilisi é um próspero hub digital nômade, e não é surpresa que o governo opte por seguir essa tendência. 
Mas para brasileiros a notícia é ótima! A Geórgia é o único país que permite brasileiros ficarem até 1 ano com visto de turista.

✅Barbados

Esta bela ilha caribenha percorreu um longo caminho para se tornar um dos primeiros países a lançar um visto digital de nômade. Muito recentemente, eles lançaram seu programa “Selo de Boas-Vindas a Barbados” com 12 meses de duração e com a opção de prorrogação.
Apesar da taxa ser bem cara, Barbados tem uma boa velocidade de internet, o que é importante para quem trabalha remotamente.

Como pedir o visto
Você deve preencher este formulário de inscrição e preencher os requisitos.
Envie a papelada exigida com a taxa não reembolsável de US$ 2.000 para um indivíduo ou US$ 3.000 se você estiver se inscrevendo como uma família.

Exigências
Você tem que ganhar pelo menos US$ 50.000 por ano e ter os meios para se sustentar (o salário médio anual em Barbados é de cerca de US$ 35.000)
Você tem que trabalhar remotamente e não pode ser empregado em Barbados.
O teste Covid-19 é obrigatório.

✅Estônia

A partir de 1º de agosto de 2020, os trabalhadores remotos podem viver e trabalhar na Estônia por até um ano sem preocupações legais. A Estônia é bem conhecida entre a comunidade nômade digital por seu programa de residência eletrônica. Com o Visa Nomad Digital, eles o tornaram ainda mais flexível para trabalhadores remotos. 

Como pedir o visto
Leia as informações no site oficial.
Preencha o formulário de inscrição online e marque uma reunião com a embaixada da Estônia
O processo leva de 3 a 8 semanas.

Exigências
Sua renda deve ser de pelo menos € 3.504 por mês. 
Você deve ter um contrato ativo com uma empresa registrada fora da Estônia que diga que você pode trabalhar independentemente do local.

✅Alemanha

Não é surpresa que a Alemanha seja um dos principais países nômades digitais do mundo. Eles têm seu próprio visto de “autorização de residência para trabalho autônomo” (ou Aufenthaltserlaubnis für selbständige Tätigkeit), que é um pouco mais difícil de obter. 
Além de ser bastante burocrático, a aprovação pode demorar até 4 meses, mas depois de aprovado, ele permite que você seja um trabalhador autônomo na Alemanha por até 3 anos. 
Este programa foi inicialmente criado para freelancers, mas também funciona para nômades digitais.

Como pedir o visto
Pague a taxa de € 100
Você tem que marcar uma consulta no escritório de imigração
Entregar toda a documentação descrita neste site.

Exigências
Conhecimento de alemão é preferível, e isso torna muito mais fácil
O seguro saúde é obrigatório
Prova de que você pode ganhar dinheiro sozinho
Você deve pagar os impostos

✅Dubai

Não é preciso dizer que Dubai é o maior centro de negócios da Ásia Ocidental e o emirado mais famoso dos Emirados Árabes Unidos. Suas conquistas são enormes com sua economia florescente que se estende do comércio e turismo até a aviação e serviços financeiros. E
m 2020, Dubai lançou um Digital Nomad Visa por uma taxa de US$ 287.

Como pedir o visto
Inscreva-se neste formulário online
Pague a taxa de US$ 287

Exigências
Passaporte válido por pelo menos seis meses e comprovante de emprego.
Salário mínimo de US$ 5.000 por mês ($ 4.000 por mês é considerado um bom salário em Dubai)

✅Ilhas Cayman

As Ilhas Cayman são um dos últimos países a introduzir vistos de longo prazo para nômades digitais. Eles oferecem aos profissionais que trabalham fora do país a chance de morar e trabalhar em um dos lugares mais bonitos do planeta. O clima na ilha é excelente, o ar é fresco, a vista é linda, proporcionando um ambiente de trabalho totalmente descontraído. Seu programa de visto de nômade digital é chamado de “Global Citizen Concierge” e garante um passe de trabalho remoto de dois anos.

Como pedir o visto
Pague a taxa de US$ 1496 e envie a papelada necessária

Exigências
Você deve passar pelo teste Covid-19
Você precisa ter seguro saúde
Comprovante de renda de pelo menos US$ 100.000 por ano para uma única pessoa, até US$ 180.000 por ano para uma família.

✅Bermudas

Em agosto de 2020, as Bermudas abriram um aplicativo para seu novo visto “Work from Bermudas” com um plano para atrair nômades digitais de todo o mundo. Bermuda é um lugar amigável e seguro, perfeito para trabalhadores remotos dedicados e entusiasmados. O visto para nômades digitais oferece um passe de um ano para morar e trabalhar na ilha. Sempre uma ótima oportunidade para escapar de um escritório doméstico sombrio.

Como pedir o visto
Pague a taxa de US$ 263 por um visto

Exigências
Você tem que ter pelo menos 18 anos
Você precisa ter um registro criminal limpo
Seguro saúde é obrigatório
Você precisa ser empregado de uma empresa estrangeira ou estudar online em uma faculdade estrangeira.

✅Anguilla

Outra bela ilha caribenha está abrindo seus braços para os nômades digitais. Anguilla é um lugar perfeito para deixar todos os seus problemas de lado e trabalhar remotamente sem uma única preocupação no mundo. Eles introduziram um novo Visa Digital Nomad que permite que você viva lá por três meses até um ano.

Como pedir o visto
Você tem que se inscrever aqui
A taxa de visto é de US$ 2.000 para um indivíduo e US$ 3.000 para uma família (que você paga após a aprovação do seu pedido)

Exigências
Um formulário de inscrição preenchido.
Comprovante de emprego ou certificado de constituição de empresas.
Ficha criminal limpa (com validade não superior a seis (6) meses para todos os candidatos com 18 anos ou mais.
Comprovante de relacionamento com dependentes que acompanham na viagem

✅Islândia

A Islândia é um dos últimos países a entrar no movimento do visto digital de nômade. A ilha imaculada com paisagens de tirar o fôlego está procurando atrair viajantes ricos para férias prolongadas.
O visto permitirá que estrangeiros permaneçam no país por até 6 meses.

Como pedir o visto
Não há processo de inscrição online. Você precisará preencher o formulário de inscrição e enviá-lo para a Diretoria de Imigração. Informações detalhadas: https://work.iceland.is/working/icelands-remote-work-long-term-visa 
A taxa de visto é 11.000 ISK

Exigências
É aplicável apenas para nacionalidades que não precisam de visto para viajar para a Islândia.
Você não deve ter recebido um visto de longo prazo nos últimos 12 meses pelas autoridades islandesas.
Você precisa ter uma renda mensal equivalente a 1.000.000 ISK, ou 1.300.000 ISK se solicitar um cônjuge acompanhante, companheiro em coabitação e filhos menores de 18 anos.
Existem também requisitos adicionais de seguro saúde durante a estadia.

________________
O conceito de vistos nômades digitais realmente mudou desde o início da Covid-19. Pelo menos 4 países introduziram novos vistos para nômades digitais em 2020, e mais parecem estar seguindo seus passos. Os governos estão identificando nômades digitais como um grupo potencial para reacender sua indústria de turismo com um risco reduzido de transmissão de vírus.
Os países querem atrair nômades digitais de alta renda para impulsionar sua economia. Alguns dos limites de renda podem ser bem altos, mas também existem opções acessíveis. 
Quer transitar para um estilo de vida nômade digital? Aqui estão algumas dicas para se tornar um nômade digital.

*Pequisas feitas em mar/21
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais vistos da semana