Você sabe o que é FOMO? - World by 2

Você sabe o que é FOMO?

Publicado em 12/08/2019

Você já ouviu essa expressão: FOMO? A sigla para Fear of Missing Out ou traduzido para o português: Medo de Perder Oportunidades - é muito comentada entre Nômades Digitais e nós já passamos por isso em alguns momentos durante nossa viagem.
Muitos pensam que, como um nômade digital, você realmente terá o melhor dos dois mundos: você poderá trabalhar e depois viajar no seu tempo livre. Mas, aparentemente fazer isso pode entrar em cena o grande FOMO (medo de perder) sobre as duas coisas. 
o que é fomo
Nosso planejamento sempre foi muito claro para nós dois: Viajar devagar, sem pressa, vivendo como um local. Mesmo com esse planejamento em mente, eu sempre tenho a ideia de que estamos conhecendo pouco (porque: em 9 meses de viagem vamos conhecer 10 países, quando poderíamos conhecer uns 30!) porém, se fizermos isso, vamos ficar com a ideia que estamos conhecendo pouco (porque: conhecer 30 países em 9 meses de viagem nos fará passar correndo pelos países e deixar cidades para trás).
Conseguem entender o paradoxo? Mas vamos pensar em 3 coisas para tentar amenizar o FOMO:

Manter um caderno de ideias

Literalmente, anote todas as ideias que surgem neste caderno. Não importa se você já pensou nessa ideia no passado e a escreveu antes. Eu sugiro que você escreva de novo; A razão para isso é porque se você não fizer isso, você vai continuar pensando e pensando sobre isso e sua mente vai pensar que você está perdendo algo valioso. E assim você continuará se preocupando com isso, o que significa que você terá que processar essa ideia repetidas vezes.
Muitas vezes uma ideia não cabe para aquele momento, mas pode ser usada no futuro ou pode inclusive, servir de exemplo do que não fazer.

Reconheça que você não pode fazer tudo de uma vez, e tudo bem

Ao se tornar Nômade Digital, você vai se pegar, em algum momento, pensando que gostaria de produzir mais, de fazer mais parcerias, ganhar mais dinheiro, ao mesmo tempo que pensará que  gostaria de viajar mais, porém sempre que esse sentimento de cobrança começar a assombrar, pare e pense no que você já fez, em quanto já conquistou e em tudo que te faz ser grato por ter essa vida.
Se você dá o melhor de si, então isso deve ser o suficiente para você. Se você sente que pode ser mais produtivo, então faça um plano para ser. 
Mas não deixe o sentimento de auto cobrança ser maior do que o de gratidão.
 

Sempre termine o que começou

Então você se dá conta que tem um milhão de ideias no seu caderno de ideias. Escolha uma e seja realista quanto às suas expectativas. 
Se você quiser escrever um livro, não tente iniciar um podcast e iniciar outro projeto novo no mesmo mês ou período de tempo, a menos que tenha alguém ou uma equipe inteira para a qual você possa delegar tarefas. Trabalhe no seu livro primeiro. Seus pontos de discussão, seu primeiro rascunho, suas revisões, sua edição, seu marketing, etc. Trabalhe em seu livro até o fim, ou seja, certifique-se de que é uma coisa real, antes de tentar trabalhar nas outras cinco coisas em que deseja trabalhar.
Quando você tenta "multitarefa", você está realmente fazendo sua mente mudar de tarefa para tarefa, o que significa que nenhuma das tarefas tem toda a sua atenção.
Vivemos em uma sociedade que encoraja a mentalidade de "vai, faz, faz, faz" e onde a multitarefa é vista como uma habilidade e algo a ser valorizado, mas trabalhar em várias coisas ao mesmo tempo pode fazer mais mal que bem. 
Se você consegue realizar mais de uma tarefa, que tal então dar um limite para essa habilidade? por exemplo: Não farei mais de 3 coisas ao mesmo tempo. Fique com poucos projetos de cada vez. Confie em mim, seu cérebro vai agradecer e você vai realmente saber no que você está trabalhando. 
Ideias são apenas ideias até que haja ação envolvida. Não apenas tenha ideias, lembre-se de agir sobre elas.

Leia todos nossos artigos sobre Nomadismo

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário